quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Cidades Indizíveis


Nelson Oliveira (a.k.a Luiz Bras) anunciou que a pequena Llyr Editorial vai publicar uma coletânea que ele e Fábio Fernandes conceberam. O blog Café de Ontem publicou mais informações a respeito da dita antologia de fantasia urbana.

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Looking Inside


A brasilianista M Elizabeth "Libby" Ginway lança seu segundo livro sobre FC nacional. Simples assim. Vale muito à pena.

sexta-feira, 18 de dezembro de 2009

#prontofalei


O conto "Mal do Século", uma extração das narrativas de cunho político da novela “Vistarmada”, está disponível em Overmundo. O texto foi encomendado e recusado para uma antologia com histórias de ficção científica sobre assuntos políticos. Normal. Entretanto, não seria justo omitir algumas considerações (algumas já elaboradas na área de comentários de uma resenha de “Os Dias da Peste”, de Fábio Fernandes). Primeiro: o editor do Anuário Brasileiro de Literatura Fantástica não estava ciente em que seara estava se metendo, pois, se soubesse, não teria convidado um autor autotélico (definição: autor que explora aspectos “autopoiéticos” do texto narrativo). Segundo: narrativas de ficção científica não necessariamente são “histórias de carochinha” e eventualmente podem arriscar torções de formato (por exemplo, em termos de timing, o conto é 2/3 diegesis e 1/3 dénouement; e, em termos de estilo, o conto homenageia a digressão miscelânica de Laurence Sterne). Terceiro: o editor esperava “um texto mais fluente, em que a ação transcorra mais por meio dos personagens” e recebeu um ensaio sobre a formação de ideologias, corrupção moral e envenenamento psíquico das massas (apud Serge Tchakhotine). Dito isso, o conto possui, sim, uma estrutura narrativa do tipo “carochinha” (clique o gráfico acima para ver os detalhes). A presente crítica pode sugerir “orgulho ferido” ou outras coisas do gênero, mas, secretamente, celebra a recusa e conclui: a FC nacional decididamente não está preparada para dar o seu salto quântico.

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Um Tupinipunk na Continuum


Augusto Paim redigiu, na revista do Itaú Cultural, uma reflexão sobre o movimento cyberpunk no Brasil (Fábio Fernandes a referendou em seu blog). E, graças aos esforços de Viktor Chagas, o livro "Piritas Siderais" (mencionado no texto) agora pode ser baixado serenamente no Overmundo.

quarta-feira, 8 de julho de 2009

Hipergazetas!


RT @exucaveiracover entrevista vapt-vupt com @kuja, autor de piritas siderais, sobre #hipergazetas e microblogagem.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

Canais Comunicantes


Comercial de lançamento do videogame LittleBigPlanet. Estariam os sonhos dos terráqueos indo para Akasa?

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

Solitaire


A neblina é o consolo do solitário. Ela preenche o abismo que o cerca.
[imagem: Dan McPharlin; texto: Walter Benjamin, konvolut Baudelaire]